EMPRESA

A Farmácia Rhamus

Comprometidos com a qualidade dos nossos produtos e serviços, participamos ativamente do maior programa de qualificação das farmácias magistrais brasileiras, o SINAMM (Sistema Nacional de Aperfeiçoamento e Monitoramento Magistral).

Promovido pela Anfarmag – Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais, o SINAMM constitui meio para o aperfeiçoamento e melhoria contínua de nossas operações, com foco na qualidade dos medicamentos e demais formulações manipuladas por nossa empresa.

Para o alcance da excelência no aviamento de fórmulas, esta farmácia atende diversos requisitos exigidos pelo SINAMM, tais como:

Recebimento de auditorias externas, por auditores independentes, a fim de evidenciar a qualidade dos nossos processos e produtos.

Treinamento de toda a equipe através de programas de educação continuada transmitidos diretamente à farmácia pela TV FARMA, canal de TV via satélite exclusivo para farmácias.

Envio periódico das formulações para análise em laboratório de controle de qualidade credenciados, visando o monitoramento dos nossos produtos e a garantia de sua eficácia e segurança.

Implementação de procedimentos para padronização de nossas atividades e operações.

Qualificação de fornecedores de matérias-primas, embalagens e demais insumos utilizados em nossos produtos.

Isso significa que a Farmácia Rhamus investe continuamente na adoção de conceitos e cuidados para oferecer o que há de melhor em termos de manipulação de fórmulas e na capacitação técnica dos nossos profissionais.

Procure um de nossos farmacêuticos e informe-se sobre nossa política de qualidade.

Competência e eficiência na manipulação de fórmulas magistrais: nosso principal ingrediente para sempre lhe atender melhor.

Manipulação de Medicamentos

Comprometidos com a qualidade dos nossos produtos e serviços, participamos ativamente do maior programa de qualificação das farmácias magistrais brasileiras, o SINAMM (Sistema Nacional de Aperfeiçoamento e Monitoramento Magistral).

Promovido pela Anfarmag – Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais, o SINAMM constitui meio para o aperfeiçoamento e melhoria contínua de nossas operações, com foco na qualidade dos medicamentos e demais formulações manipuladas por nossa empresa.

Para o alcance da excelência no aviamento de fórmulas, esta farmácia atende diversos requisitos exigidos pelo SINAMM, tais como:

Recebimento de auditorias externas, por auditores independentes, a fim de evidenciar a qualidade dos nossos processos e produtos.

Treinamento de toda a equipe através de programas de educação continuada transmitidos diretamente à farmácia pela TV FARMA, canal de TV via satélite exclusivo para farmácias.

Envio periódico das formulações para análise em laboratório de controle de qualidade credenciados, visando o monitoramento dos nossos produtos e a garantia de sua eficácia e segurança.

Implementação de procedimentos para padronização de nossas atividades e operações.

Sistema de garantia da qualidade para o monitoramento de todos os nossos processos.

img01
imagem

Homeopatia

Utilizando remédios naturais destinados a aumentar as capacidades curativas que o organismo possui, a Homeopatia trata a pessoa dentro da sua globalidade.

A doença é concebida como um desequilíbrio interno e os homeopatas se esforçam para resolver os problemas subjacentes sem atacar unicamente os sintomas.

Com este objetivo, eles utilizam remédios específicos, fortemente diluídos que, quando absorvidos de uma forma não diluída, produzirão numa pessoa sã os sistomas de uma determinada doença.

Segundo os Homeopatas, quanto mais os efeitos de uma substância se aproximam dos sintomas do paciente, mais sua virtudes terapêuticas são importantes na cura do paciente (”lei da semelhança”).

Ao mesmo tempo, quanto mais uma substância é diluída, maior será sua eficácia. Assim, os remédios são preparados segundo regras estritas de diluição visando reforçar o seu poder.

Perguntas Frequentes

Clique sobre a pergunta para ver a resposta

Minha dúvida é:

O que é a Homeopatia?

A Homeopatia é uma especialidade farmacêutica, médica, odontológica e veterinária que foi fundada no início do século 19 pelo alemão Samuel Hahnemann. Ela ganhou popularidade no final do século. Entretanto, com o advento da medicina moderna, a homeopatia foi vista como velha pelos praticantes da medicina convencional e a sua popularidade caiu. Essa tendência foi revertida recentemente e desde 1980, a homeopatia voltou a crescer em vários países.

A Homeopatia baseia-se no princípio Semelhante cura semelhante. Isso significa que uma pessoa doente pode ser curada por um medicamento que é capaz de produzir sintomas parecidos em uma pessoa sadia. Em um tratamento homeopático, o clínico deve observar cuidadosamente e considerar cada paciente como único.

Para a homeopatia as doenças são geradas pelo desequilíbrio das forças do organismo. Portanto, o clínico homeopata não investiga somente sintomas isolados, mas considera o paciente como um todo, corpo e mente. Assim, a homeopatia trata o doente e não a doença.

Todo medicamento manipulado é homeopático?

Não. A manipulação de medicamentos, realizada nas farmácias de manipulação com autorização da Anvisa, não é restrita aos medicamentos homeopáticos. Medicamentos alopáticos (medicamentos comuns) e fitoterápicos, minerais e vitaminas, também podem ser manipulados. Da mesma forma, os medicamentos homeopáticos também estão disponíveis em farmácias e drogarias como especialidades farmacêuticas industrializadas e sujeitas a registro na Anvisa.

Os medicamentos homeopáticos possuem efeitos indesejáveis?

Algumas vezes, durante o tratamento pode ocorrer a piora dos sintomas. Essa agravação inicial é geralmente um bom sinal e significa que o seu corpo está respondendo ao medicamento. Embora os sintomas físicos possam piorar por um período curto, a pessoas como um todo irá começar a se sentir melhor quase imediatamente. A piora será substituída rapidamente pela melhora.

Quanto tempo demora para um medicamento homeopático fazer efeito?

Isso depende da natureza da doença, se ela é aguda (recente) ou crônica (persistente) e do medicamento prescrito. Nos casos agudos, o alívio pode ser sentido poucos minutos após utilizar o medicamento e a primeira dose pode curar a doença completamente. Nos casos crônicos, pode demorar mais para a resposta.

A partir de que idade é possível usar os medicamentos homeopáticos?

O medicamento homeopático pode ser utilizado com segurança em qualquer idade, até mesmo em recém-nascidos ou pessoas com idade avançada. Desde que acompanhada pelo clínico homeopata.

Posso usar outros medicamentos junto com medicamentos homeopáticos?

Não são conhecidas quaisquer restrições ao uso de medicamentos homeopáticos como auxiliares nos tratamentos convencionais, e vice-versa.

Observe sempre a recomendação do prescritor quanto aos horários e duração do tratamento, suspendendo o uso sempre que notar reações não esperadas.

Quais as diferenças entre o tratamento homeopático e alopático (comum ou tradicional)?

O tratamento alopático busca, por meio de medicamentos de ação química, eliminar os sintomas e manifestações da doença através do chamado Princípio dos Contrários. Por exemplo: uso de laxantes na prisão de ventre. Essa anulação dos sintomas normalmente não combate a origem e as causas da doença. Na maioria dos casos, há grande alívio, mas apenas durante o tratamento.

Ao contrário, o tratamento homeopático não busca eliminar apenas os sintomas e sim estimular o organismo a se fortalecer. Logo, o tratamento homeopático é eficaz para curar o doente e não apenas aliviá-lo.

Qual é a diferença entre fitoterapia e homeopatia?

A fitoterapia utiliza exclusivamente princípios ativos de plantas medicinais. Já a homeopatia, além dos princípios ativos de origem vegetal, utiliza outros de origem mineral e animal, sendo todos submetidos a uma técnica de preparo própria, a “dinamização”.

Qual o papel da Anvisa com relação aos medicamentos homeopáticos?

A Anvisa cria regras para a manipulação em farmácias, industrialização e venda desses medicamentos, de modo a garantir sua qualidade.

Como saber se o medicamento que estou comprando tem sua venda autorizada pela Anvisa?

O medicamento homeopático industrializado pode encontrado em farmácias e drogarias. Deve apresentar na embalagem a sigla MS seguida de oito a treze números (inicia sempre com o número um). Quando o medicamento é preparado em farmácia homeopática não possui esse número na embalagem.

Também é possível entrar em contato com a Anvisa pelo email: gmefh@anvisa.gov.br ou pelo telefone: 0800 644-0644.

Fale Conosco

Preencha o formulário

Contato

Av. Pedroso de Morais, 669 - Pinheiros, São Paulo

contato@farmaciarhamus.com.br

Telefone: (11) 3034-0949

WhatsApp: (11) 96353-6094

top